Abril 6, 2021

É hora de adotar um novo caminho para o SASE

Jim Fulton

Parte de nossa série em andamento sobre Zero Trust e SASE.

Talvez você esteja lendo esta publicação do blog no notebook em casa. É possível que não tenha ido ao escritório por semanas, ou meses. Quem sabe quando você vai passar o crachá na roleta novamente? E, quando fizer isso, provavelmente ficará em um daqueles espaços de trabalho compartilhados flexíveis, em vez de um cubículo ou escritório pessoal. É a realidade de trabalhar em qualquer lugar.

Fast Track to SASE - April 21, 11am CDT

Muito já foi escrito (veja aqui ou aqui) sobre os riscos de segurança de trabalhar fora do que costumava ser denominado como perímetro corporativo e como as empresas poderiam se adaptar. As organizações migraram mais rápido para apps de nuvem e SaaS do que qualquer pessoa teria esperado há um ano, ao ponto em que a jornada para a nuvem não é mais uma questão de se, mas de quando, e não de transformação digital, mas de transformação de negócios.

Com pessoas e dados se movendo em todos os lugares, a segurança precisa ser ágil para acompanhar. Agora, a principal questão para muitas organizações é como fornecer com mais eficácia acesso seguro aos recursos corporativos na web, em apps de nuvem e em apps privados internos em qualquer lugar, mantendo os dados seguros em todos os lugares.

O SASE tornou-se rapidamente o líder em investimentos de TI para habilitar a nova força de trabalho distribuída. No entanto, há muita confusão sobre onde começar, que fica ainda pior por causa de fornecedores que estão simplesmente usando o termo “SASE” para produtos pontuais reformulados. É claro que a maioria das soluções SASE são entregues na nuvem. Elas também tendem a ser centradas em acesso, ou seja, com foco em controlar e proteger o acesso aos recursos corporativos.

O objetivo do acesso é conectar as pessoas aos dados, para que possam usá-los para trabalhar. Muitos fornecedores consideram isso como a linha de chegada. Não é. Para deixar bem claro: proteger o acesso é apenas o básico atualmente.

Habilitar o uso dos dados com segurança é, em última instância, a tarefa da cibersegurança. Com as pessoas trabalhando em qualquer lugar, você não pode mais confiar em abordagens antigas, como confiar que o computador ou dispositivo está conectado à sua rede "corporativa", para liberar os dados confidenciais. Você precisa controlar como os dados são usados—exigindo continuamente permissão explícita cada vez que alguém tenta acessar ou mover os dados.

Forcepoint - New Path to SASEEssa "exigência de permissão explícita" é a essência de Zero Trust. Como aplicar Zero Trust? A resposta é o SASE. O SASE reúne a ampla gama das capacidades para implementar Zero Trust em uma plataforma convergente e baseada na nuvem que é mais fácil de implementar e administrar do que as abordagens anteriores.

Em nosso novo whitepaper "5 Passos para o SASEE”, podemos ajudar as organizações a iniciar sua jornada para o que estamos chamando de arquitetura SASE centrada em dados. Abrange:

  • Como as equipes de segurança e os líderes podem começar em diferentes pontos de partida e desenvolver sua arquitetura SASE convergente, um recurso de nuvem de cada vez.
  • Uma definição de SASE centrado em dados e como proteger usuários e dados é diferente de uma abordagem SASE com foco exclusivo em acesso.
  • Os benefícios e as capacidades do SASE centrado em dados, que incluem proteção de dados, proteção contra ameaças, segurança de aplicativos e segurança de rede.
  • Nós listamos as 4 principais vantagens que você deve procurar em uma plataforma SASE centrada em dados.

Esperamos que considere esse estudo útil para avaliar suas prioridades ao proteger usuários e informações críticas. Clique no botão verde Ler o Whitepaper à direita para fazer download.

Sobre a Forcepoint

A Forcepoint é líder em cibersegurança para proteção de usuários e dados, com a missão de proteger as organizações ao impulsionar o crescimento e a transformação digital. Nossas soluções adaptam-se em tempo real à forma como as pessoas interagem com dados, fornecendo acesso seguro e habilitando os funcionários a criar valor.

Jim Fulton

Jim Fulton is Forcepoint’s Senior Director of Product Marketing, focused on Data-first SASE and Zero Trust Data Protection solutions. He has been delivering enterprise access and security products for more than 20 years and holds a degree in Computer Science from MIT.

Read more articles by Jim Fulton