Você está aqui

Fundação CASA Protege os Dados em Todos os Canais para Usuários Remotos

Indústria

Governo Local

HQ

Brasil

A Fundação CASA implementou o Forcepoint DLP para proteger as informações dos adolescentes para impedir o vazamento e exfiltração de dados em todos os canais, à medida que seus funcionários migravam para o trabalho remoto.

Desafios

  • Proteger os dados pessoais dos adolescentes envolvidos no programa da Fundação CASA.
  • Manter a visibilidade e o controle sobre os dados para cumprir as diretrizes estabelecidas pelo governo.
  • Proteger a organização contra vazamentos ou exfiltração de dados em áreas comuns, como unidades USB, impressoras, e-mails e nuvem.

Abordagem

  • Implementação do Forcepoint Data Loss Prevention (DLP).

Resultados

  • Escala da proteção de dados em todos os canais para mais de 10.000 usuários.
  • Redução dos alertas falsos positivos e isolamento os problemas sem afetar as operações em geral.
  • Extensão da proteção de dados para híbridos e multinuvem, web, e-mail, endpoint e rede.
  • Aproveitamento da autoeducação e a análise forense para criar mais eficiência na equipe de segurança de dados enxuta.

O número de dispositivos na rede da Fundação CASA mais que dobrou nos últimos dois anos, com o trabalho remoto triplicando no mesmo período. A organização governamental precisava proteger informações confidenciais contra vazamento e exfiltração de dados em todos os canais, incluindo rede, web, nuvem, e-mail e endpoint. Ela implantou o Forcepoint DLP para atingir esse objetivo e obteve imediatamente maior controle e visibilidade de seus dados, levando a uma redução nos alertas de falsos positivos.

Uma Rede em Crescimento e a Necessidade de Controle de Dados

A juventude paulistana conta com o apoio fundamental da Fundação Centro de Atendimento Socioeducativo ao Adolescente (CASA).

A organização é um importante componente da comunidade, auxiliando anualmente cerca de 20.000 pessoas entre 12 e 21 anos na busca de soluções alternativas para infrações judiciárias.

Nos últimos anos, a Fundação CASA viu sua base de funcionários adotar o trabalho remoto, com quase um quarto de seus usuários trabalhando de forma híbrida. Mas permitir o acesso de qualquer lugar também trazia um desafio: proteger os dados onde quer que fossem.

A organização coleta e armazena os registros médicos, judiciais e outros registros confidenciais dos participantes e mantém essas informações mesmo depois que eles saem do programa para cumprir a legislação nacional. Ela precisaria mudar sua estratégia de segurança de dados de protegê-los tanto on-site como em movimento.

Encontrando uma Maneira de Proteger os Dados em Todos os Canais

Julio Signorini, CIO da Fundação CASA, sabia que ter total controle e visibilidade sobre esses dados seria fundamental para protegê-los.

A Fundação CASA precisava ser capaz de se defender contra vazamento ou exfiltração de dados, fossem eles enviados por e-mail ou baixados em uma unidade USB. Isso significava estender sua segurança de dados em seus aplicativos de nuvem, web, e-mail, endpoint e rede.

Depois de considerar cuidadosamente todas as principais soluções de Data Loss Prevention (DLP), a Fundação CASA escolheu o Forcepoint DLP. Signorini e equipe trabalharam com a Brasoftware, um dos maiores integradores de TI do Brasil, para implementá-lo em toda a organização.

“O Forcepoint DLP nos permite proteger e monitorar todos os nossos canais e usar análises preditivas para evitar um possível incidente de segurança de dados”, disse Signorini.

Prevenindo a Perda de Dados e Melhorando a Eficiência

A Fundação CASA usou o Forcepoint DLP para mapear e classificar seus dados para melhor controlar esses dados e melhorar a precisão dos alertas que recebe do monitoramento da atividade do usuário. Isso não apenas ajuda a organização a reduzir alertas falsos positivos e evitar incidentes, mas também melhora sua análise de segurança de dados.

“Todo o machine learning por trás do Forcepoint DLP é como um canivete suíço para nós, porque temos uma equipe de segurança de dados enxuta”, disse Signorini. “Os pop-ups de autoeducação da ferramenta também foram muito eficazes para orientar os usuários em toda a nossa organização.”

Agora, a Fundação CASA pode monitorar de perto a movimentação de dados em todos os seus canais em uma plataforma unificada e evitar vazamentos ou vazamentos. Independentemente de um funcionário usar a nuvem ou a web para concluir seu trabalho, os dados com os quais ele está interagindo permanecem seguros.

“Hoje temos uma visão abrangente de todos os dados armazenados e conseguimos mapear nosso risco, pois as informações que temos sobre adolescentes estão sujeitas à legislação e devemos tratá-las de forma específica”, disse Signorini.

Seguindo em frente, a Fundação CASA está procurando maneiras de unificar mais de suas ferramentas de segurança em uma plataforma consolidada.

Fundação CASA

The Fundação Centro de Atendimento Socio-educativo ao Adolescente (CASA) de São Paulo is a government-funded foundation that provides services for children and adolescents under the age of 18, where they can serve judiciary infractions through the age of 21.